4 de jan de 2017

Lendas Urbanas - Parte 5

Os aviões-fantasmas da Segunda Guerra Mundial 




 Embora pareçam lendas urbanas, existem diversas histórias que narram a aparição de aviões-fantasmas – poucas delas documentadas. 

 Existem basicamente dois tipos. 

 Na primeira, os aviões são vistos em um contexto pós-guerra, em que as pessoas acabam encontrando os veículos do passado. 

 Geralmente, o cenário envolve um jovem casal das décadas de 60, 70 ou 80 que afirma ter visto um modelo vintage cruzando os céus em baixa altitude – algumas vezes até um grupo deles. 

 Algumas dessas histórias são bem embasadas: o avião some no ar, a aparição foi um augúrio de um acidente que ocorreu pouco tempo depois, os pilotos acenam tristemente para os espectadores abaixo etc. 

 Alguns relatos envolvem especulações sobre “fendas no tempo”. 




 O segundo tipo é mais interessante – e macabro. 

 Algumas aparições ocorreram durante a guerra. 

 Nelas, as tramas abordam aviões que partiram em uma missão perigosa. 

 Mais tarde, todas as aeronaves retornam, exceto uma. 

 Todos observam os céus esperando o veículo, mas nada aparece. 

 Até que, horas mais tarde, um som é ouvido a distância e um avião é visto. 

 Com muito trabalho, a aeronave consegue pousar. 

 Mas, quando o povo se aproxima da cabine do piloto, ela está vazia e o tanque do avião completamente seco. 

 Há variações em que a tripulação está abordo, mas morta. 

 Em outras o avião está tão danificado que não teria como levantar voo. 

 Há uma história que diz que um avião destroçado foi visto horas depois do ataque de Pearl Harbor. 

 As testemunhas conseguiram ver o piloto a bordo, mas, quando o avião caiu, não havia absolutamente nada dentro dele. Bizarro...




Falcto Renegado diz... Sinistro e dizem que ate hoje se ouve os motores desses aviões.